Texto para Reflexão...

     

Tudo Que Sei APRENDI NO JARDIM DE INFÂNCIA...

Tudo que preciso mesmo saber sobre como viver, o que fazer, e como ser, aprendi no jardim-de-infância. A sabedoria não estava no topo da montanha mais alta, no último ano de curso superior, mas no tanque de areia do pátio da escolinha maternal.

Vejam o que aprendi:

*Dividir tudo com os companheiros.

*Jogar conforme as regras do jogo.

*Não bater em ninguém.

*Guarda os brinquedos onde os encontrava.

*Arrumar a "bagunça" que eu mesmo fazia.

*Não tocar no que não era meu.

*Pedir desculpas, se machucar alguém.

*Lavar as mãos antes de comer.

*Apertar a descarga da privada.

*Frutas e verduras fazem bem à saúde.

*Fazer de tudo um pouco-estudar,pensar e desenhar,pintar cantar e dançar, de tudo um pouco todos os dias.

*Tirar uma soneca todas as tardes.

*Ao sair pelo mundo, cuidado com o trânsito, ficar sempre de mãos dadas com o companheiro e sempre "de olho" na professora.

Rodas de versos

  

Participam dessas rodas meninas e meninos, algumas são marcadas pela inocência dos versos e pelo intuito de aproximação.

Brincadeira da Peneira...

Passa a Peneira menina

Menino vem peneirar

Diga um verso com rima

Quando a peneira parar

Peneira, peneira, peneira a passar

Peneira, peneira, quando a peneira parar

Versos:

*Atravessei o Paraiba

Em cima de uma canoa

Arrisquei a minha vida

Por um namorico à toa..

* Tu de lá, eu de cá

Passa o riacho no meio

Tu de lá dá um suspiro

Eu de cá suspiro e meio..

*Eu sou pequenininha

Do tamanho de um botão

Carrego papai no bolso

E a mamãe no coração..

*Eu de cá, ocê de lá

 No meio fica a lagoa

De dia não tenho tempo

De noite não tem canoa..

*A maré que enche e vaza

  Deixa a praia descoberta

 Vai-se um amor, vem outro

   Nunca vi coisa tão certa..

*Alecrim da beira d´água

    Pintadinhos de ABC

     Seja aqui ou acolá

   Eu me lembro de você..

* Bate bate sapatinho

   Na casa do sapateiro

 A solteira bate os olhos

 Quando vê rapaz solteiro..

Sugestão de como Brincar:

Todos em roda cantam a música, e ao mesmo tempo, vão passando uma peneira cheia de versos. Quando a música pára, a pessoa coloca a peneira na cabeça e recita um verso; se não souber, pode pegar um verso de dentro da peneira. Após recitar, a brincadeira prossegue. Os demais que estão na roda marcam a música na palma da mão.

Nota: O ritmo da marcação das palmas pode ser como a do Batuque do Estado de São Paulo.

Fonte: Brincadeira retirada do livro - Rodas e Brincadeiras Cantadas

Dicas para trabalhar com maternal.

                

Sugestões de Atividades:

- Controle dos esfíncteres, de forma gradativa e com grande paciência e estímulo/incentivo por parte do professor.

- Higiene Bucal após as refeições, estimulando e incentivando para o uso da escova.

- Alimentar-se sozinho, com ajuda do professor, aos poucos as crianças aprendem a levar a colher sozinha à boca.

- Introdução de alimentos sólidos, onde aos poucos as crianças deverão se alimentar normalmente, como as crianças maiores, tirando a sopa e a fruta.

- Estimulação do próprio corpo, identificando e nomeando as partes. Pode utilizar músicas e brincar de lavar a boneca. No banho também nomeia-se o corpo.

- Garatuja: folhas em branco, onde a criança poderá pintar com lápis, giz de cera e/ou guache (tomando muito cuidado para não levar à boca e aos olhos).

- Exercícios de encaixe, sempre incentivando para que a criança acerte. De início o professor deve ajudar a criança, até que ela consiga associar a forma ao buraco.

- Jogos de bola em rodas, promovendo a integração social, onde a criança deverá joga-la para o amigo, dizendo o nome (ou dito pelo professor).

- Trabalhos manuais com massinhas e argila, deixando que estes manuseiem bastante.

- Incentivo e desenvolvimento da fala, onde o professor deverá conversar e estimular para que a criança consiga manifestar o que quer, não permitindo que ela só se manifeste por gestos.

- Ampliar seu vocabulário, conversando diariamente, com a criança sobre os aspectos do dia-a-dia.

- Incentivar e permitir a fala da criança em todas as atividades possíveis, falando corretamente com a criança. Mostrar à criança a conveniência de falar em voz baixa, trabalhando com a criança o saber escutar.

- Apresentação das cores.

- Trabalhos com músicas gestuais, cantigas de roda e dança, estimulando partes do corpo.

- Contos de histórias curtas.

- Coordenação motora livre, como rasgar papel, brincar de massinha, etc.

- Brincadeiras de imitar os adultos, como escovar os dentes de bonecas, fazer comidinha, ir as compras, banho de bonecas, etc.

- Explorar o ambiente escolar, mostrando árvores, passarinhos, parquinho, etc.

O uso do parquinho diário, pois nessa idade a criança tem bastante energia e grande dificuldade de concentração, por isso todas as atividades devem ser curtas e com bastante estímulo/incentivo por parte do professor.

- Imposição de limites e boas maneiras, dizendo “não” à criança, toda vez que colocar em perigo si mesmo, os colegas, tias e o ambiente escolar.

- Traçados simples: Coordenação Motora.

- Formas Geométricas: círculo, quadrado e triângulo.

Estímulos para os bebês:

“O adulto precisa apresentar o mundo”

• Chocalho com garrafa pet, copo de iogurte, yakult...
• Saquinhos de cheiro feito com tnt algodão e vários aromas.
• Bolinhas de cheirinho feito com meia calça
• Caixa surpresa, encapada e com um buraco para caber a mãozinha do bebê.
• Tampas de Nescau com figuras.
• Cds com figuras, furado e usado como móbile.
• Abrir uma caixa de papelão e fazer uma casa, ou um carro.
• Janelinhas das sensações.
• CD com cantigas com voz de criança, músicas clássicas.
• Sagu com anelina dentro de peti, pode usar também gliter, lantejoula...
• Varal das sensações.
• Cestos dos tesouros.
• Pendulo com bola e elástico colado no teto.
• Soprar ( canudo grosso), fazer bolhas ensinar a criança a respirar pelo nariz( variar com gelatina colorida).
• Tnt, brincar colar gravuras em cima contar histórias...
• Marcadores textuais na história narrada pelo educador como: “aí, daí, então, depois, acabou”.
• Tambor com latas, usando balão e tnt com bastante cola como tampa, rolo com celofane numa ponta para olhar e falar.
• Cabides de fita e tampas com gravuras.
• Gravuras na altura da criança, no chão, teto...
• Propor sons: pam pãrarã, pim,pirim pimpim.
• Incentivar as crianças a tocarem a parte do corpo que diz a música.
• Móbile de abelha material: novelo de lã asa de balão e antena de palito no anzol, imitar o som da abelha zum, zum...

[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]

O que é isto?
Visitante número: